quinta-feira, janeiro 18, 2007

O transbordo nos «interfaces» do Metro

Vezes sem conta dou por mim, e pelos outros passageiros saídos da Linha Verde, a correr como loucos para a apanhar a composição do Metro, da Linha Azul, que se encontra parada na Baixa-Chiado vazia. Vezes sem conta ouço o apito accionado pelo maquinista e vejo as portas fecharem-se e todos baterem com o nariz na porta. Porquê?

3 comentários:

MissPearls disse...

Porque os horários foram feitos no papel por algum incompetente burocrata que não apanha o metro.
Porque se esquecem que os horários são feitos para as pessoas e não para alimentar a máquina burocrática.
Aliás, estou convencida de que se os técnicos das Cãmaras, do Governo, saíssem de vez em quando dos seus gabinetes alcatificados e fossem ver in situ o que se passa fora dos papéis deles, certamente veriam que a realidade não é a preto e branco.

Paulo Ferrero disse...

Isso mesmo. Acho que até fazem de propósito, pois mal vêem as pessoas a sair do outro lado, fecham as portas e arrancam. Há até quem caia.

MissPearls disse...

Já tentou reclamar (tanta canseira.. tanto que fazer por cá...)???
Como ninguém avalia os serviços, andamos nisto...