terça-feira, setembro 09, 2008


ONTEM, depois de uma visita ao Campo dos Mártires da Pátria (de que talvez aqui venhamos a falar por volta de 18 de Outubro...), entrei no Jardim do Torel, de onde desci, de patamar em patamar e de escada em escada, até à Rua da Pretas - e daí à Avenida da Liberdade.
Pelo caminho, deparei-me com a cena que em cima se vê, e que é bem acompanhada por uma velha anedota de 1928...
.
NOTA: as fotos tiradas nesse trajecto estão [aqui]; inúmeras outras anedotas antigas estão [aqui]

3 comentários:

Anónimo disse...

5 estrelas!

Ed

ana disse...

Há 33 anos atrás era um jardim muito bonito.

Anónimo disse...

Há 46 anos era um jardim lindíssimo com 1 lago de água limpa e cisnes, nada de grafitis nem sujidade.