segunda-feira, outubro 13, 2008

Irritações solenes (2)

Alguém do Metro auto-elogiá-lo(se). Só mesmo com muito descaramento se permite isso a um metro como o de Lisboa, que só chega a conta-gotas, aonde quer, com composições mal concebidas, permanentemente em 'avaria técnica', promovendo péssimos arranjos à superfície (bocas de saída Roma/Sul, Chiado/Brasileira, elevador do Rato, etc.) e erros crassos como os do túnel do Terreiro do Paço e do ventilador do Rossio.

3 comentários:

Miguel S. disse...

Caro Paulo, pode especificar?

"Só chega (...) aonde quer"?
"Composições mal concebidas"?
"Permanentemente em 'avaria técnica'"?

Gostava de perceber o fundamento dessas acusações.

Paulo Ferrero disse...

Fácil:
Devia chegar a Alcântara e à Ajuda mas chega à Falagueira. Porquê só agora ao aeroporto? Porquê a estação nos edifícios de Nuno Portas em Chelas?
Mal concebidas porque basta uma visita aos metros de Londres, Paris, Roma, Munique, Praga, Madrid ou Bruxelas para se perceber que as nossas são monos, quase inertes, com sistema de portas parvo, com assentos e corrimões e varões mal posicionados e, ainda por cima, a fazer barulho por tudo quanto é lado.
Basta andar na Linha Azul para se saber o martírio dos infindáveis períodos em que o metro fica interrompido por 'avaria técnica'. Um pesadelo, ainda por cima numa linha caricata em termos de número de estações.

Miguel S. disse...

No que diz respeito a rede há alguma infelicidade histórica. Que deificlmente é reparável neste momento. Mas não percebo francamente por que raio Ajuda e Alcântara são mais importantes que Falagueira (os transportes públicos devem ser complementares, não sobrepostos). Não haverá mais movimento com origem e destino na Falagueira do que na zona que refere? Quanto à comparação com sistemas de metropolitano estrangeiros, conheço os de londres e paris e não compreendo mesmo o que têm de mais fucnional ao nível composições/estações (compreendo que a disposição dos bancos seja melhor mas os acessos e qualidade das estações são em geral piores nas zonas mais movimentadas; mas o que siginfica "monos, quase inertes, com sistema de portas parvo"?). E ainda bem que não se meteram na linha das colinas.